Desporto

Scottie Pippen zangado com Jordan pela forma como é retratado em “The Last Dance”. E não é o único

Horace Grant, que jogou pelos Chicago Bulls na primeira série de três campeonatos consecutivos, já tinha dado voz a algumas críticas.

A série documental “The Last Dance”, que retrata os anos que fizeram dos Chicago Bulls, nos anos 90, uma das maiores equipas desportivas de sempre, tem atraído audiências, muitos elogios mas também algumas críticas, nomeadamente pela forma como a visão de Michael Jordan se impõe no documentário. E entre os críticos estão antigos membros dos Bulls.

A série mostra-nos imagens inéditas e conta com entrevistas das mais diversas figuras sobre as duas séries de três campeonatos consecutivos de basquetebol da NBA conquistados pelos Bulls, liderados por Michael Jordan. Mas a produtora de Michael Jordanteve uma palavra a dizer na edição final e as críticas têm surgido. A uma rádio norte-americana, Horace Grant, que venceu três campeonatos com Jordan, deixou alguns elogios como entretenimento mas sugeriu que “90%” do que é contado sobre históorias de balneário é “treta”.

Grant, recorda o “The Guardian”, critica em particular a forma como Jordan se relacionava com alguns coloegas. Agora, segundo um repórter da ESPN Radio, há outro nome a queixar-se e não é um qualquer: Scottie Pippen.

Scottie Pippen foi o número dois e essencial em todos os seis campeonatos que Jordan venceu. O talentoso jogador terá ficado “lívido” com Jordan e com a equipa de produção pela forma como é retratado, segundo o que avançaram fontes próximas àquela rádio norte-americana.

Em “The Last Dance”, entre os momentos de sucesso para os quais muito contribuiu Pippen, surgem também as alturas mais complicadas do basquetebolista, como depois de ter estado lesionado ter atrasado o regresso à equipa, numa altura em que estava no seu último ano de contrato e desiludido com a direção. Há ainda os segundos em que se recusou a jogar no final de uma partida porque Toni Kukoc foi escolhido no seu lugar para fazer o lançamento final (que entrou).

“The Last Dance” foi produzido pela ESPN e conta com um total de 10 episódios lançados durante as últimas semanas na Netflix. Em Portugal, tem continuado entre o top 10 de conteúdos mais vistos da Netflix desde que os primeiros episódios foram exibidos.

Leia também: “The Last Dance”. O mito de Michael Jordan e a tal dança que faltava