Bem-estar

O treino brutal de burpees dos militares americanos que vai dar cabo de si

Só precisa de 20 minutos e de uma sala com algum espaço. Prepare-se: vai transpirar muito e ficar com uma resistência incrível.

Burpee, o exercício que mesmo soletrado da forma mais zen possível continua a arrepiar qualquer pessoa. Mas há pior. Basta colocar os burpees nas mãos das Forças Especiais Americanas.

A rotina criada pelos militares norte-americanos é, como será fácil de prever, absolutamente brutal. A vantagem é que não precisa de qualquer instrumento ou peso.

O treino brutal de burpees dos militares americanos que vai dar cabo de si

 

A metodologia foi criada por Bobby Maximus, diretor geral e personal trainer do “Gym Jones” em Salt Lake City, nos EUA. Este antigo lutador de Ultimate Fighting Championship (UFC) diz que este plano “não é para a saúde do coração, mas tem uma habilidade incrível de dar força, velocidade e uma resistência brutal”.É precisamente por essa razão que Maximus o usa nos seus alunos das Forças Especiais Americanas.

A ideia é a seguinte: faça 20 burpees de um lado da sala ou da divisão em que se encontra; depois, vá a correr para o outro lado e faça 19; corra até outro canto e faça 18. O objetivo é repetir este padrão até terminar a contagem. E nem pense em facilitar.

“Faça este treino o mais rapidamente que conseguir, mas certifique-se que é rigoroso. Se conseguir acabar em 15 minutos ou menos, pode reclamar o título de “homem mais duro da zona”, refere Bobby Maximus.