Man cave

O Apple Pay chegou a Portugal. Saiba como funciona

O Crédito Agrícola, Monese, N26 e Revolut terão o sistema disponível. Cada transação é autorizada com um código de segurança único.

Foi lançado em 2014 e é já uma forma comum de pagar nos EUA. Quase cinco anos depois, o serviço de pagamentos da Apple chega a Portugal a partir de quarta-feira, 26 de junho. O lançamento foi coordenado pela MasterCard e vai estar disponível através da aplicação do Crédito Agrícola, mas há pelo menos outras três instituições financeiras digitais que terão o sistema disponível: Monese, N26 e Revolut.

O serviço, lançado no mesmo dia na Grécia e na Eslováquia, permite ao consumidor fazer compras em lojas físicas e online, receber e enviar dinheiro através de uma simples mensagem. Os consumidores podem pagar serviços ou compras com o Apple Pay “em lojas, restaurantes, táxis, vending machines e em muitos mais lugares”, segundo um comunicado da Mastercard citado pelo jornal “Eco”.

Quando o Crédito Agrícola revelou, em meados de abril, que iria disponibilizar o sistema de pagamento, explicou que os números reais dos cartões de crédito ou débito “não são armazenados no dispositivo nem nos servidores da Apple. Em vez disso, um número de conta de dispositivo exclusivo é atribuído, criptografado e armazenado de forma segura no dispositivo. Cada transação é autorizada com um código de segurança dinâmico e único”, diz a mesma fonte.

O pagamento via Apple Pay é compatível com alguns equipamentos iPhone, nos novos iPads e no Apple Watch. Para pagar, bastará aproximar o dispositivo do terminal de pagamento, deslizar o dedo no Touch ID com a impressão digital ou fazer o reconhecimento facial através do Face ID. Existe ainda a opção de inserir a palavra-passe ou o pin do equipamento.

O Apple Pay foi lançado em outubro de 2014 e estará disponível em 40 países até ao final de 2019. Neste momento encontra-se também acessível na Bulgária, Croácia, Chipre, Estónia, Grécia, Letónia, Liechtenstein, Lituânia, Malta, Roménia, Eslováquia e Eslovénia para os detentores de cartões MasterCard.

Contudo, nem todos os aparelhos da Apple são compatíveis com o serviço. No que toca aos iPhones, o Pay pode ser usado em aparel Face ID ou Touch ID (à exceção do 5S). Nos iPad, está também disponível nos modelos Pro, Air, iPad e iPad mini com Touch e Face ID. É igualmente compatível com Apple Watches e computadores Mac com Touch ID.